Receita com exportação de café em outubro aumenta 38,7%

10/11/2014

A receita cambial com exportação de café pelo Brasil em outubro registrou aumento de 38,7% em relação ao mesmo mês de 2013. O setor faturou cerca de US$ 673 milhões, em comparação com US$ 485,3 milhões em outubro do ano passado, conforme dados divulgados nesta sexta-feira, 7, pelo Conselho dos Exportadores de Café do Brasil (CeCafé). Em relação ao volume, houve crescimento de 0,9% no período. Foram embarcadas 3,264 milhões de sacas de 60 kg, em comparação com 3,235 milhões de sacas em outubro do ano passado.

O diretor-geral do CeCafé, Guilherme Braga, comentou que o mercado mundial continua receptivo ao café brasileiro, sendo que nos últimos dez meses o País teve um crescimento de 20,4% na receita com as exportações do grão e de 15,4% no volume exportado. Foram embarcadas 29.961.843 sacas de café, para uma receita de US$ 5,311 bilhões.

Segundo ele, o volume de café de qualidade produzido e exportado pelo Brasil também vem apresentando bons resultados, apesar de a seca ter provocado uma redução no tamanho do grão. Braga explicou que a safra pode ser entendida como de boa qualidade, o que ajuda a vender. No mês de novembro e dezembro a tendência é que essa situação se mantenha. "Isso nos leva a crer que devemos fechar o ano civil com aproximadamente 36 milhões de sacas exportadas", informou.

De acordo com o levantamento, a variedade arábica respondeu por 79,4% das vendas do País no período de julho a outubro, o robusta por 10,8%, o solúvel por 9,7% e o torrado e moído por 0,1% das exportações. Os cafés diferenciados (arábica e conilon) tiveram participação de 22,6% nas exportações em termos de volume e de 29,0% na receita cambial.
O relatório mostra, ainda, que no acumulado de janeiro a outubro de 2014 a Europa foi o principal mercado importador de café do Brasil, respondendo pela compra de 54% do total embarcado do produto, enquanto América do Norte adquiriu 25% do total de sacas exportadas; Ásia, 15%; América do Sul, 3%; África, 1%; América Central, 1%; e Oceania, 1%.

Nos quatro primeiros meses do ano-safra 2014/15 (julho a outubro), a receita cambial de US$ 2,412 bilhões foi 46,4% superior (USR 765,058 milhões) à registrada no mesmo período da safra 2013/14 (US$ 1,647 bilhão). O volume, por sua vez, apresentou um aumento de 14,0% na mesma base comparativa. Foram exportadas 12.378.146 sacas (verde, torrado e moído e solúvel), em comparação com 10.854.391 em 2013.

Autor: Estadão Conteúdo

Fonte: Revista Globo Rural

URL: http://revistagloborural.globo.com/Noticias/Agricultura/Cafe/noticia/2014/11/receita-com-exportacao-de-cafe-em-outubro-aumenta-387.html

TOPO